Notícia real e objetiva

Um jovem foi preso e teve objetos apreendidos sob acusação de desvio de aproximadamente R$ 280 mil de uma loja onde trabalhava.



POLÍCIA


Uma equipe da Polícia Civil comandada pelo delegado de Polícia Civil Kleidson Castro, da delegacia de combate a roubos, juntamente com a chefia de operações da 16ª Seccional, cumpriu mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão na tarde desta quarta-feira (11) em um apartamento do Residencial Tapajós, em Santarém, oeste do Pará.

No local, um jovem de 23 anos foi preso e objetos de valor apreendidos porque segundo a polícia, teriam sido adquiridos com os valores desviados da conta bancária de uma loja, por um funcionário que tinha a confiança dos patrões.

Segundo informações do delegado Kleidson Castro, o preso foi indiciado pela prática do crime de furto por abuso de confiança e mediante fraude. O acusado teria feito transferências bancárias da conta da empresa sem autorização dos proprietários. As investigações apontam um valor aproximado de R$ 280 mil, transferidos indevidamente.

O acusado foi preso preventivamente e ficará à disposição da justiça. O mandado de prisão e de busca e apreensão foi expedido pelo juiz Alexandre Rizzi, da 1ª Vara Criminal da comarca de Santarém.

Por Blog do Waldemir Santos 

Info : G1 Santarem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade